14/01/2016

Em tempos de escassez de água, com certeza vale a pena investir na construção de um poço artesiano. Por meio dele, a captação de água é feita a partir de uma perfuração no solo, cuja profundidade pode variar de 100 a 2000 metros.

É importante ressaltar que essa construção demanda estudos detalhados da área em que pretende-se executar o projeto, uma vez que, se a perfuração for realizada em um espaço inadequado para este tipo de obra, ela poderá causar estragos geológicos irreversíveis e grandes prejuízos.

Em contrapartida, quando um projeto de desenvolvimento de poço artesiano é executado conforme manda o roteiro, o investimento costuma trazer uma série de economias significativas e soluções sustentáveis para a prosperidade de um negócio ou comunidade.

Entre as principais vantagens estão:

• Redução de taxas: os poços tubulares barateiam as cobranças dos serviços de abastecimento de água. E se o poço for capaz de suprir as necessidades da empresa ou condomínio, é possível desvincular-se totalmente do serviço local de fornecimento de água e contribuir somente com a taxa de esgoto;

• Autonomia: os poços artesianos tornaram-se a solução mais explorada para superar transtornos causados pela crise hídrica, permitindo que empresas e comunidades continuem sendo abastecidas com água em períodos de racionamento;

• Produtividade/lucratividade constante: todos sabem que as chuvas não são constantes e a duração das estiagens são imprevisíveis, o que acaba resultando em muitos prejuízos e quedas bruscas nos ganhos de uma empresa. Por isso, os poços artesianos acabam sendo uma excelente estratégia para driblar este problema, pois mantém o ritmo produtivo dos empreendimentos o ano inteiro.

 Tem tido problemas com abastecimento de água? Solicite um orçamento sem compromisso com a ACQUATEC enviando uma mensagem através do formulário para contato.